Deputado Arnaldo Melo defende prefeito de Grajaú, Mercial Arruda

Nice Mores Repórter da Assecom O deputado Arnaldo Melo (PSDB), em pronunciamento feito hoje (quarta-feira, 21), da tribuna da Assembléia Legislativa, defendeu o prefeito de Grajaú, Mercial Lima de Arruda (PFL), acusado na sessão anterior pelo deputado Valdinar Barros (PT) de ter demitido irregularmente 170 servidores concursados — a maioria professores. “O prefeito Mercial Arruda é um homem de conduta ilibada”, disse. Arnaldo Melo, de posse de provas documentais, também negou que os recursos do Fundef (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério) estejam sendo aplicados incorretamente. “Eu acredito na correção, na lisura da gestão do prefeito Mercial Arruda”, disse. Segundo explicou o deputado tucano, a prefeitura de Grajaú, na gestão Milton Gomes dos Santos (2001-2004), anterior a de Mercial Arruda, o prefeito realizou um concurso público e nomeou servidores que não foram aprovados em detrimento daqueles que verdadeiramente foram aprovados e classificados. O Sindicato dos Trabalhadores da Educação então denunciou ao Ministério Público local, a irregularidade. Quando Mercial Arruda assumiu o mandato, tomou as medidas cabíveis, e passou a regularizar a situação daqueles que realmente foram aprovados. Diante disso, o sindicato passou a cobrar do gestor municipal que também implantasse os 170 servidores excedentes e que não foram classificados no concurso. Segundo Arnaldo Melo, o Ministério Público recebeu, porém não acatou a denúncia do sindicato, mas o juiz sentenciou e coube ao prefeito Mercial Arruda recorrer ao Tribunal de Justiça, que deu ação suspensiva ao afeito daquela ação. Arnaldo Melo disse que são ações legítimas da administração pública que estão acontecendo em Grajaú. Que não existe nenhuma falta de delito na determinação judicial para que haja de qualquer lado, a possibilidade de intervenção no município de Grajaú. “Se há uma coisa que nos orgulha, é ter um prefeito como Mercial Arruda. Quem dera que o Maranhão tivesse mais prefeitos como ele”.

16:16 - 21/03/2007






Desenvolvido por Adriano Marinho