PSB realiza no domingo encontro regional em Santa Inês

O PSB- Partido Socialista Brasileiro – estará realizando em Santa Inês no próximo domingo, dia 23, no auditório da Associação Comercial, o 1º Encontro Regional do Vale do Pindaré e do Alto Turi que terá como objetivo definir estratégias políticas e eleitorais do partido para as eleições de outubro vindouro nas duas regiões. O encontro será aberto às 9:00 horas e se encerrará às 17:00 horas.Para o evento político estão sendo convidados os membros do Diretório Estadual,os presidentes dos diretórios municipais,os prefeitos, os vice-prefeitos, os vereadores, os deputados federais e estaduais e todos os pré-candidatos às eleições de outubro. O presidente estadual do PSB no Maranhão, deputado federal Ribamar Alves, já confirmou que, mesmo enfrentando problemas de saúde, estará presente no encontro de Santa Inês. Outras grandes estrelas do partido que hoje tem como principal nome no Estado o governador José Reinaldo, também confirmaram presença como por exemplo, o ex-reitor da UEMA Valdir Maranhão, o vice-presidente do PSB no Maranhão, José Antonio Almeida entre outros.Até o fechamento desta edição, na noite de terça-feira, aguardava-se a confirmação da vinda do governador José Reinaldo.Com relação ao encontro a expectativa maior fica por conta da confirmada participação do hoje candidato a governador pelo PSB, ex-ministro presidente do STF, Edson Vidigal, que na segunda-feira foi homenageado em Bacabal pelo ex-prefeito José Vieira e na terça foi recebido em Codó com muito barulho.Edson Vidigal foi lançado candidato a governador por um grupo de prefeitos liderados pelo presidente da Famem – Federação dos Municípios Maranhenses – pelo prefeito de Caxias Humberto Coutinho, pela prefeita de Timom Socorro Waquim, por lideranças do Sul do Estado e da região Tocantina.Sua pré-candidatura tem também o apoio do governador José Reinaldo que aposta nas candidaturas de Vidigal e Jackson Lago para ir com um dos dois para o segundo turno contra a senadora Roseana Sarney.Já Vidigal afirma que não haverá segundo turno porque vai vencer logo no primeiro.

15:42 - 19/04/2006






Desenvolvido por Adriano Marinho