GRAJAÚ - Prestes a desmoronar, BR 226 passa por reforma de risco

Há duas semanas, a empresa S Engenharia, contratada pelo Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) trabalha na rodovia BR 226, no perímetro urbano de Grajaú, para solucionar um antigo problema que atinge a estrada desde que o então governador, José Reinaldo Tavares, triplicou a rodovia, há quatro anos. A obra, para ser realizada, teve de passar por um desnivelamento que rebaixou o nível da terceira pista da rodovia, sentido Grajaú - Imperatriz. Devido ao desnível de mais de 6m de altura que ficou entre as duas vias,entre a pista principal e a mão direita, nos tempos de inverno, o DNIT tem de tapar as fendas que se abrem por entre a pista principal e a via desnivelada. Cerca de 12 trabalhadores estão diariamente enchendo sacos de fibra com barro para solucionar o problema. Apesar de a obra ser de extremo risco, os funcionários contratados da empresa S Engenharia não trabalham com nenhum equipamento de segurança e no local não há nenhuma placa identificando as obras em andamento. Nossa equipe foi até o escritório do DNIT em Grajaú, mas os responsáveis pela obra, identificados apenas pelos nomes de Sérgio e Ramón, estavam viajando em recesso e só devem chegar no próximo dia 6 de janeiro. Enquanto isso, os trabalhos seguem sem nenhuma fiscalização. Fonte: Grajaú de Fato

17:50 - 26/12/2008






Desenvolvido por Adriano Marinho