GRAJAÚ - Poucas mudanças - mesma direção

Quem passou as férias de fim e início de ano em Grajaú, ou ainda se encontra no município deve se fazer a pergunta que não quer calar: para onde anda Grajaú? Isso mesmo. O município de pouco mais de 54 mil habitantes não apresenta novidade alguma aos seus visitantes e filhos. Entra ano, sai ano, e nossa terra parece ser de ninguém. Entradas e saídas continuam com suas belezas nada chamativas: poeira ou lama, barracas de lona ou pistas desmoronando. Ruas esburacadas, Estação Rodoviária pedindo socorro. As Praças turísticas parecem mais pedaços de sonhos nunca concretizados. Mas não é falta de dinheiro, não, pois o Ministério das Cidades está crente de que as obras estão concluídas, pois seu término seria em 120 dias, ou seja, dezembro de 2008. O atraso é tão absurdo em nossa terrinha que até mesmo a energia elétrica da Prefeitura Municipal não escapou do corte. Foram duas vezes: 17 de dezembro e agora, início de janeiro. Por quê? Falta de pagamento. Que vergonha, senhor prefeito. O bairro Expoagra, com seu novo asfalto não ficou como o secretário de obras, Silvano Chaves, prometeu quando concedeu entrevista ao Grajaú de Fato: "Vamos asfaltar 12 Km iniciais na periferia da cidade, tudo com a melhor qualidade, meios fios e sistema de esgotos". Eu, naquele dia, já sabia que não passava de uma mentira mal contada. Vejamos hoje: os duvidosos deem um passeio nos bairros asfaltados e verão como foi gasto seu IPTU. Começou 2009, nossa Câmara Municipal de Vereadores está de cara nova, com vereadores novos e presidente novo também. O GF vai acompanhar de perto o trabalho de nossos novos representantes. A primeira sessão já está prestes a acontecer. Estaremos lá, vamos ver qual será o ponta pé inicial. Também não esqueceremos das propostas de Mercial Arruda, as quais temos bem guardadas em nossos arquivos e não hesitaremos em cobrá-las em cada bimestre. Apesar de não termos uma internet de qualidade para postar tudo o que queremos, vamos fazer "grande esforço" em 2009 para publicar o que o grajauense informado precisa saber para defender sua cidadania. O principal objetivo deste portal é fazer da informação a arma da população para lutar por seus direitos, fato este que se concretiza como nossa única recompensa. Desde já, vamos cobrar a realização do Festival de Música "Canta Grajaú", que deveria ter sido realizado em dezembro e foi adiado para julho de 2009. Sem esquecer-se de nosso Rio Grajaú, abraçado por esgotos que chegam de todos os lados, queremos desde já pedir às autoridades competentes que olhem e cuidem deste sinal de vida, o qual é responsável pelo abastecimento de água para boa parte da população. Fonte: Grajaú de Fato

17:53 - 09/01/2009






Desenvolvido por Adriano Marinho