Plano Estadual de Cultura será tema de debate em Presidente Dutra e Bacabal

Produtores e gestores culturais de 81 municípios, da região central do Maranhão, terão a oportunidade de debater, esta semana, a minuta do Plano Estadual de Cultura (PEC), que norteará a política pública cultural para os próximos 10 anos. O primeiro encontro – dos Fóruns Territoriais Centro – acontece na terça-feira (6), no município de Presidente Dutra, e o segundo encontro, na quarta-feira (7), na cidade de Bacabal. (ver BOX)

Numa realização da Secretaria de Estado da Cultura (Secma) e do Conselho Estadual de Cultura (Consec-MA), a programação nos dois Fóruns Territoriais Centro tem início previsto para 8h e término às 18h. Em Presidente Dutra, os debates acontecerão no auditório Santa Clara, da Paróquia da Igreja São Sebastião; e em Bacabal, no espaço do Centro Franciscano de Animação Missionária (CEFRAM). Cerca de 300 pessoas estão sendo aguardadas nos dois encontros.

A secretária da Cultura, Olga Simão, ressalta a importância da participação da sociedade civil na elaboração do Plano Estadual de Cultura, como forma de contribuição nos principais anseios dos fazedores de cultura de cada região do estado. “É também um instrumento legal de preservação cultural no que diz respeito a se manter as características culturais de cada município. Estão todos convidados a nos ajudar e colaborar com a cultura do Maranhão”, completou.

 

Até o dia 19 de maio acontecerão seis fóruns regionais, com o objetivo de se colocar a disposição da sociedade maranhense uma minuta do PEC do Maranhão. Os gestores e produtores culturais das cidades de Imperatriz e Zé Doca – cerca de 250 pessoas – já participaram das discussões e deram suas respectivas contribuições para a elaboração do diagnóstico do Plano, cuja consultoria técnica está sob a responsabilidade da professora da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), Ester Marques.

“Os Fóruns Territoriais são uma oportunidade dos fazedores, dos gestores falarem de cada realidade cultural local, ao mesmo tempo em que também contribuem com suas ideias para elaboração do Plano Estadual de Cultura”, afirmou Ester Marques.

O Plano Estadual de Cultura (PEC) é ferramenta imprescindível do Sistema Estadual de Cultura, sendo um conjunto de princípios, objetivos, diretrizes, estratégias e metas que devem orientar o poder público na formulação de políticas culturais. Dez comissões setoriais foram criadas, pela Secretaria da Cultura juntamente com o Conselho Estadual de Cultura, com a finalidade de trabalhar os segmentos da cultura, sendo elas: Artes Cênicas, Artes Visuais, Audiovisual, Cultura Popular, Gestão Pública da Cultura, Livro, Leitura e Biblioteca, Memória e Documentação, Museus, Música e Patrimônio Cultural.

         A construção do PEC é gradual com discussões através de consulta pública na internet e durante as reuniões públicas. O gestor, produtor cultural ou mesmo qualquer cidadão pode dar sua contribuição na formulação e conferir as últimas informações sobre o Plano Estadual de Cultura. Para tanto basta acessar o site www.ma.cultura.com.br, no Portal do PEC; ou mesmo fornecer sugestões pelo e-mail planodecultura.ma@gmail.com.



Secma

10:28 - 05/05/2014






Desenvolvido por Adriano Marinho