Pesquisa reforça polarização entre Dilma e Marina

Dilma e Marina estão praticamente empatadas

Divulgada ontem, terça-feira (09), a pesquisa CNT/MDA para a corrida presidencial aponta crescimento nas intenções de voto para Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB). A presidente, que no levantamento anterior aparecia com 34,2%, agora tem 38,1%. Já a ambientalista subiu de 28,2% para 33,5%, diminuindo a diferença entre as duas candidatas de 6 pontos percentuais para 4,6. A pesquisa ainda mostrou que Aécio Neves (PSDB) segue em queda: tinha 16% das intenções, e agora aparece com 14,7%.

Com o resultado, Dilma e Marina disputariam o segundo turno. Na simulação, a ex-ministra do Meio Ambiente venceria as eleições: conforme a CNT/MDA, ela aparece com 45,5%, contra 42,7% da petista. Essa é a primeira pesquisa divulgada desde o apontamento de políticos pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa que teriam recebido propina em negócios da Petrobras. As entrevistas começaram a ser coletadas um dia antes da veiculação da lista.

A pesquisa ainda simulou um segundo turno entre Dilma e Aécio. Neste cenário, a presidente venceria com 47,5%, e o tucano aparece com 33,7%. Em uma terceira possibilidade, Marina (52,2%) também ganharia de Aécio (26,7%).

 

10:17 - 10/09/2014






Desenvolvido por Adriano Marinho