Homem joga iogurte na cabeça de juíza em mercado de Imperatriz

Abraim Ramom Silvestre, teria furado a fila

Um homem derramou uma garrafa de iogurte na cabeça de uma juíza que estava na fila de um supermercado em Imperatriz, segunda maior cidade do Maranhão. A cliente reclamou que o homem, identificado como Abraim Ramom Silvestre, teria furado a fila. Ele não gostou da reclamação e sujou Dayna Leão, Titular da 1ª Vara da Família em Açailândia, cidade a 65 km de Imperatriz.

O rapaz de 21 anos foi preso e encaminhado ao Plantão Central da Polícia Civil. Segundo a denuncia, além do iogurte, Abraim também chegou a empurrar a juíza. “Ele se defendeu dizendo que estava com pressa, mas isso não justifica a agressão”, explica o soldado Cléssio, da Polícia Militar, que conduziu ele à delegacia.

Abraim é proprietário de um estabelecimento que vende lanches em uma rodoviária de Imperatriz e não quis falar com a imprensa. A juíza também não quis dar entrevista.

É a primeira passagem dele pela polícia, mas segundo pessoas que conhecem o vendedor, não foi a única vez que ele arrumou confusão e agrediu alguém na fila do supermercado. “De acordo com os funcionários do estabelecimento, é a quinta vez que ele apresenta o mesmo comportamento. Independente de quantas pessoas estão na fila, ele simplesmente tenta passar na frente de todo mundo. Uma outra cliente chegou a dizer à juíza que ele já tinha jogado iogurte na cabeça de uma criança de 10 anos que estava na fila dias antes”, diz o delegado regional Eduardo Galvão.

Segundo a polícia, Abraim vai passar por exame de corpo de delito e responderá pela agressão à juíza.


Jornal Pequeno

16:41 - 04/03/2015






Desenvolvido por Adriano Marinho