Morre juiz que se envolveu em acidente em Imperatriz

Morreu na madrugada desta quinta-feira (26) o juiz Armindo Reis, que se envolveu em um acidente de trânsito na Região Tocantina, no dia 28 de fevereiro. O juiz era diretor do Fórum de Porto Franco. Segundo o hospital, o juiz apresentou complicações nos rins devido a um trauma no fígado.

No acidente, Armindo quebrou costelas e precisou fazer uma cirurgia para retirar compressas do fígado. A mulher que dirigia o carro envolvido no acidente, identificada como Angra Alves, e outras duas pessoas que estavam no veículo, são da cidade de Estreito, no Maranhão. Os três prestaram depoimento na delegacia do município e a Delegacia de Trânsito de Imperatriz investiga o caso.

Segundo a polícia, as imagens do acidente serão anexadas ao inquérito policial. Um vídeo mostra que o juiz pilotava uma motocicleta esportiva quando bateu no veículo, que havia saído da faixa direita e feito a conversão. A motorista poderá responder por fraude processual porque retirou o veículo do local do acidente antes da chegada da perícia.


G1

14:55 - 26/03/2015






Desenvolvido por Adriano Marinho