Comarca de Imperatriz vai realizar casamento comunitário em shopping center

A Comarca de Imperatriz, por meio de suas varas de Família, realiza nesta quinta-feira (08), às 16h30, mais uma edição do Casamento Comunitário, desta vez o evento acontece dentro de um shopping center da cidade e vai uni 100 casais. De acordo com o juiz da 2ª Vara de Família, Adolfo Pires Neto, é a primeira vez, no Estado, que o evento é realizado dentro de um centro de compras.

Adolfo Neto também explicou que a proposta dessa edição do Casamento Comunitário é atender à população carente de diversos bairros periféricos da cidade. “Estamos aproximando a comunidade mais carente do Judiciário. Importante destacar que esta proximidade está maior com o projeto Justiça nos Bairros, por meio do qual vamos trabalhar para promover um casamento comunitário a cada dois meses, sempre contemplando pessoas de baixa renda”, afirmou.

O juiz ainda esclareceu que pretende realizar, com o apoio dos demais juízes do fórum, o projeto de casamentos itinerantes, levando a ação aos bairros mais carentes da cidade. “Vamos desenvolver o projeto de forma itinerante, a fim de que o Judiciário leve cidadania à população na hora que ela precisar”, pontua Adolfo.

É a segunda vez que o Casamento Comunitário será realizado dentro do projeto Justiça nos bairros. Lançado em abril, o projeto levou cidadania para centenas de moradores da Vila Leandra e celebrou a união de 114 casais da região da Beira Rio. Realizado dentro do Imperial Shopping, o casamento conta com o apoio da Serventia Extrajudicial do 2º Ofício.

Lançado pela Corregedoria da Justiça em 1999, o projeto Casamentos Comunitários já permitiu a união de mais de 30 mil casais em todo o Estado de forma gratuita. Somente na atual gestão, cerca de 800 casais já disseram o sim por meio do projeto. Considerando o valor médio de R$ 150,00 por cada casamento, somente no ano de 2014 e projeto já permitiu uma economia de aproximadamente R$ 120.000,00 para a população de baixa renda.

 


TJMA

11:08 - 08/05/2014






Desenvolvido por Adriano Marinho